Caraíbas FM - Partidos definem candidatos ao governo da Bahia e ao Senado; confira
  • bannerfull
  • bannerfull

Partidos definem candidatos ao governo da Bahia e ao Senado; confira

Ex-vice-prefeita de Salvador, Célia Sacramento também estreia na disputa pelo governo do Estado pela Rede, de Marina Silva.

Após meses de articulações políticas, seis candidatos oficializaram suas candidaturas ao governo da Bahia. Junto com eles, os eleitores também conhecem os novos candidatos ao Senado. Assim como no plano nacional, os partidos tiveram até esse fim de semana para realizar suas convenções, a fim de oficializar esses nomes na Justiça Eleitoral.

 

O governador Rui Costa (PT) vai disputar a reeleição junto com o vice-governador João Leão (PP). Com a pretensão de manter um equilíbrio entre partidos de esquerda e de centro, a chapa tem o ex-governador Jaques Wagner (PT) e o presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), Ângelo Coronel (PSD), como candidatos ao Senado. As primeiras suplências ficaram com o deputado federal Bebeto Galvão (PSB), no caso de Wagner, e do presidente estadual do PCdoB, Davidson Magalhães, no caso de Coronel e as segundas suplências foram destinadas a ex-prefeita de Sebastião Laranjeiras, Luciana Leão Muniz (PR) e a advogada Dra. Luciana (PRP), respectivamente.

 

Principal frente de oposição ao atual governo, a chapa do Democratas é comandada pelo ex-prefeito de Feira de Santana. José Ronaldo disputa a eleição com a médica Mônica Bahia (PSDB) como vice. Líder do movimento Vem Pra Rua, ela foi anunciada durante a convenção estadual do DEM, na última sexta-feira (3). Na disputa ao Senado, a chapa conta com os deputados federais Jutahy Magalhães (PSDB) e Irmão Lázaro (PSC). No caso do tucano, a primeira suplência ficou com a vereadora de Feira, Eremita Mota (PSDB), e a segunda com a ex-vereadora de Ibotirama, Viviane de Sousa Quinteiro (PSDB). As suplências e Irmão Lázaro ficaram com o presidente estadual do PV, Ivanilson Gomes, e com o ex-presidente do PSC na Bahia, Eliel Santana.

 

Presidente do Sindicato dos Policiais Civis da Bahia (Sindpoc), Marcos Maurício (PSDC) retirou sua candidatura ao governo do Estado para ocupar o posto de candidato ao Senado na chapa do ex-ministro João Santana (MDB). Assim, o PSDC se une ao grupo que tem a pedagoga Jeane Cruz (MDB) como candidata a vice e o ex-deputado federal Jorge Viana (MDB) na disputa pela outra vaga ao Senado. O ex-prefeito de Presidente Dutra, Roberto Carlos de Souza, mais conhecido como Robertão, será suplente de senador.

 

Prefeito de Salvador por dois mandatos, de 2005 a 2012, João Henrique (PRTB) tenta, pela primeira vez, assumir o governo da Bahia. Candidato pelo PRTB, seu vice ainda não foi definido. O apresentador Celsinho Cotrim (Prona) integra a chapa como candidato ao Senado.

 

Ex-vice-prefeita da capital baiana, Célia Sacramento também estreia na disputa pelo governo do Estado. Ela lança sua candidatura pela Rede, de Marina Silva. O candidato a vice será o empresário José Itamário. Para o Senado, a sigla tenta eleger José Francisco.

 

Com chapa pura, o PSOL completa o grupo de partidos que disputam esta eleição estadual. A legenda tem o professor Marcos Mendes como candidato ao governo e a líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto na Bahia, Dona Mira, como vice. Para o Senado, eles preferiram lançar apenas um nome: Fábio Nogueira, que também preside a sigla no Estado. A ialorixá Bernadete Souza será sua suplente.

Comentários

Praça Mário Dourado, 78
Centro - Irecê-Ba
Cep: 44900-000
netools comunicação digital
Caraíbas FM - Todos os direitos reservados © - 2018