• bannerfull
  • bannerfull

PSOL apresenta segundo pedido de impeachment contra Crivella no Rio de Janeiro

Crivella sugeriu aos pastores que orientem os fiéis a procurar uma assessora dele, Márcia, que poderia agilizar as cirurgias.

Depois do requerimento feito pelo vereador Átila Alexandre Nunes (MDB), agora foi a vez do deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL), juntamente com a presidente do Psol carioca, Isabel Lessa, de protocolar um segundo e novo pedido de impeachment contra o prefeito Marcelo Crivella (PRB), na Câmara Municipal do Rio. Ambas as reclamações foram motivadas pela reunião com evangélicos em que ele ofereceu facilidades a fiéis que precisassem operar catarata ou varizes em hospitais públicos e conveniados.

 

A denúncia do Psol frisa que Crivella cometeu improbidade administrativa ao ceder bem imóvel da prefeitura para pré-candidato, praticou campanha extemporânea, violou regulamento do Sisreg (sistema que organiza filas da saúde) e fez uso indevido de bens e serviços públicos. Procurada, a assessoria de comunicação do prefeito informou que ele não iria comentar os pedidos de impeachment. As informações são do jornal O Dia.

 

O encontro com cerca de 170 líderes religiosos e pastores evangélicos, que não constava na agenda oficial, aconteceu 4 de julho, no Palácio da Cidade. O prefeito discursou na presença do pré-candidato a deputado federal pelo PRB, Rubens Teixeira. Em uma das falas, gravadas em áudio por repórteres dos jornais Globo e Extra, Crivella sugeriu aos pastores que orientem os fiéis a procurar uma assessora dele, Márcia (da Rosa Pereira Nunes), que poderia agilizar as cirurgias. 

Comentários

Praça Mário Dourado, 78
Centro - Irecê-Ba
Cep: 44900-000
netools comunicação digital
Caraíbas FM - Todos os direitos reservados © - 2018